Ilza Ferreira: Uma história de amor à Emater-MG

Dedicada aos trabalhos na Acar/Emater-MG por 31 anos, Ilza Ferreira Magalhães não conseguiu ficar parada após a aposentadoria, em 1998. No ano seguinte estava de volta, mas desta vez como funcionária da Cooperativa Agropecuária de Volta Grande e cedida para prestar seus serviços a Emater-MG. “Nesse trabalho fiquei até março de 2000, quando saí após ser aprovada, em segundo lugar, no concurso público da Prefeitura Municipal de Volta Grande, para o cargo de assistente administrativo”, conta orgulhosa.

Como servidora municipal, Ilza foi coordenadora da Creche Municipal Olga Bouhid e da Escola de Educação Infantil Antônio Tibúrcio Campanati. Também trabalhou, por quatro anos, como Chefe de Serviços na Secretaria de Educação e oito anos na Secretaria de Cultura, Esporte, Lazer e Turismo do município.

Mas a paixão pela Emater-MG falou mais alto, e neste ano Ilza voltou a trabalhar na empresa, desta vez cedida pela Prefeitura de de Volta Grande. “Aqui me sinto feliz e pretendo ficar até o dia que Deus permitir”, afirma.

Ilza conta que começou a trabalhar na Emater-MG como assistente administrativo e foi promovida a secretária do Escritório Local, em Volta Grande. “Dentro da empresa fui uma secretaria que fazia de tudo, inclusive trabalhos de assistência social com cursos de alimentação e nutrição, vestuário, visitas aos produtores, distribuição de sementes para o plantio de hortas, entre outras coisas”, relata.

Para Ilza, a Emater-MG é uma verdadeira universidade. “Aprendi muito com o trabalho junto à população e adoro o que faço”, encerra.